ACE doa R$ 40 mil em equipamentos para UPA e Santa Casa

Compartilhe em suas redes sociais:
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on pinterest
Share on skype
Share on telegram
Share on whatsapp
Share on email

Entidade também se une a sociedade civil para criar campanha visando a montagem de novos leitos para pacientes com Covid-19

A Associação Comercial (ACE) realizou na sexta (04/03) a doação de 10 oxímetros de pulso para a instalação dos novos leitos para pacientes Covid-19 na UPA (Unidade de Pronto Atendimento). Ontem, dia 09/03, mais 10 unidades foram doadas também à Santa Casa Carolina Malheiros, para utilização nos pacientes que estão em tratamento no hospital.

Os 20 aparelhos doados, que atingem um valor superior a 40 mil reais, foram adquiridos com a arrecadação da mensalidade de fevereiro das empresas associadas à Associação Comercial – que reúne cerca de mil empresas dos mais diversos portes e segmentos da cidade – e também com apoio da Associação Mais Saúde Santa Casa.

CAMPANHA DE DOAÇÃO

Além desses equipamentos, a ACE incia uma campanha junto com representantes da sociedade civil para arrecadar equipamentos para a montagem de mais 12 leitos para pacientes com Covid-19 que serão instalados na UPA (Unidade de Pronto Atendimento). Serão 02 leitos com respiradores, 05 leitos de ventilação não invasiva e mais 05 leitos para casos moderados. Eles funcionarão integrados ao Centro Covid, oferecendo suporte respiratório aos pacientes até que seja viabilizado um leito de internação hospitalar. No site www.acesaojoao.com.br/doe há informações sobre equipamentos necessários e como proceder a sua doação, além de uma prestação dê conta dos recursos investidos.

O presidente da Associação Comercial, Luis Fernando de Melo, explicou que o momento exige a união de todos que puderem colaborar com a expansão da rede de atendimento. “Somos empresários, médicos, e profissionais de diversas áreas, atentos e⁣ preocupados com o que acontece, nesse momento, em nosso estado, especialmente na nossa cidade”.Luis também ressalta o pedido a toda a população para que utilize máscaras, respeite o isolamento social e evitem aglomeração. “Aos empresários, pedimos que entendam a situação e tentem respeitar ao máximo as restrições e horários de funcionamento das empresas. Destacamos que a situação é extrema e exige que trabalhemos juntos para conter a expansão do coronavírus em nosso município”.

Leia também